domingo, 15 de março de 2009

Relações de pais e filhos com deficiência auditiva


Os pais em primeiro lugar têm que aceitar a deficiência de seus filhos, se não ficará difícil a criança se interagir no mundo.Se a criança não tiver o apoio do pai e da mãe ela automaticamente não vai se aceitar, as pessoas que as crianças deficientes mais confiam são os pais.
Quando o problema da deficiência é aceito fica mais fácil o relacionamento com os irmãos,com a família, ou seja,resolve se o problema de uma maneira justa e construtiva,se for ao contrário fica complicado o ajustamento dos irmãos, amigos,etc,aí as crianças tornam-se problemática.É tão simples aceitar crianças portadoras de deficiência, pois as crianças portadoras de qualquer tipo de deficiência são pessoas sinceras,meigas,carinhosas e só transmitem paz para quem vivem com elas. Claro há aquelas agressivas, mas são assim devido as pessoas não saberem lidarem com elas, do mesmo jeito que pessoas normais gostam de ser aceitas elas também querem ser aceitas.

Um comentário:

  1. "A alma dos diferentes é feita de uma luz além. Sua estrela tem moradas deslumbrantes que eles guardam para os poucos capazes de os sentir e entender. Nessas moradas estão tesouros da ternura humana dos quais só os diferentes são capazes. Não mexa com o amor de um diferente. A menos que você seja suficientemente forte para suportá-lo depois".
    (Arthur da Távola)

    ResponderExcluir

Nunca diga não a um deficiente independentemente de sua deficência.

Mensagem para refletir!!

Deficiente auditivo

Loading...

A comunicação do deficiente auditivo

A comunicação do deficiente auditivo

Que Música linda!!!

 Eliana - Ao Mestre Com carinho
Professores tenham muita paciência com seus alunos especiais, pois eles merecem todo carinho. Vocês podem ter ceterza que eles retribuirão o carinho em dobro.

Seguidores

Sonhar nunca é demais!!!!!

Obrigada por tudo!!!!!!!

Agradecimento